Publicidade
Publicidade
Publicidade 350x190
Publicidade 350x190

quarta-feira, 20 de abril de 2016

Chuva de meteoros poderá ser vista neste feriado, madrugada entre os dias 21 e 22 abril

Compartilhar Notícia no Twitter e Facebook

Chuva de meteoros Perseidas resgistrada no céu, em Spruce Knob, West Virginia (EUA) - 13/08/2015
O fenômeno deve ocorrer em um local mais baixo do horizonte, na direção da estrela Vega, a mais brilhante da constelação Lira(Bill Ingalls/Nasa)

Fenômeno vai ocorrer de madrugada, entre os dias 21 (quinta-feira) e 22 (sexta-feira), na direção da região Norte. Ápice começa a partir das 3 horas e pode ser observado em todo o país.

De olho no céu: A chuva de meteoros Lirídeas acontece neste feriado, na madrugada entre os dias 21 de abril e 22 de abril. O fenômeno poderá ser visível em todo o Brasil a olho nu, na direção da Região Norte.

A Lua cheia, no entanto, deve dificultar as observações, pois o céu está muito claro. "Especialmente neste ano, a chuva de meteoros Lirídeas será mais difícil de ser observada por causa da Lua cheia, que não permite ver os meteoros de menor luminosidade. Mesmo assim, os que são mais brilhantes poderão ser vistos normalmente", disse Gustavo Rojas, astrônomo e físico da Universidade Federal de São Carlos (UFSCAR).

O fenômeno deve ocorrer em um local mais baixo do horizonte, na direção da estrela Vega, a mais brilhante da constelação Lira. O melhor horário para observar a chuva de meteoros é a partir das 3 horas da madrugada até o raiar do dia. "Para realizar a observação é recomendado que a pessoa se afaste para um local bastante escuro, já que essa não vai ser uma chuva muito fácil de ser vista.

Locais como a zona rural ou o litoral são bons por terem o céu limpo e menos luminosidade. Outra coisa que a pessoa deve ter é paciência, já que será necessário no mínimo uma hora de observação para conseguir ver em torno de 6 a 12 meteoros no céu. Minha dica é levar um grupo de amigos e cadeiras de praia para ver esse fenômeno no céu", explicou Rojas.

A chuva de meteoros Eta Aquarídeos, prevista para acontecer nas noites do dia 5 e do dia 6 de maio, no entanto, será melhor de ser vista, segundo Rojas: por ser mais a Sul, a visão do fenômeno aqui no Brasil será facilitada, além de ser uma chuva mais intensa que a Lirídeas. A Lua não estará tão brilhante no céu, o que permitirá aos amantes da astronomia uma observação mais completa - e bonita - da chuva.

Fonte:  Marina Rappa Do VEJA.com

Curta Nossa Página no Facebook - Clique na Imagem