Publicidade
Publicidade
Publicidade 350x190
Publicidade 350x190

quarta-feira, 10 de junho de 2015

Esporte RO: Gestão do estádio de Ji-Paraná diz que recurso para reforma está liberado

Compartilhar Notícia no Twitter e Facebook

Parece que enfim a tão sonhada reforma do estádio José de Abreu Bianco, o Biancão, vai sair do papel. Segundo a administração do estádio, já há um recurso, no valor de R$ 886 mil, liberados para o início da obra. O estádio foi interditado em dezembro do ano passado, e no início de maio deste ano, foi liberado para receber os jogos do Ji-Paraná no Campeonato Rondoniense.

Tapume do Biancão em Ji-Paraná, RO (Foto: Samira Lima)

O Biancão deve passar por reconstrução de 180 metros de muro, instalação de cobertura sobre as arquibancadas, aquisição de equipamentos de combate a incêndios e outros itens de segurança exigidos pelo Corpo de Bombeiros. O diretor do estádio, Romão Moreno, afirmou que a Superintendência de Licitação (Supel) deve lançar em até 20 dias o chamamento para licitação no Diário Oficial e, a partir da data de publicação, as empresas interessadas terão até 40 dias para pleitearem a realização da reforma.

Calculo que em cerca de 60 dias as obras comecem de fato no Biancão. O dinheiro já está em caixa, o projeto arquitetônico está pronto, precisamos apenas licitar e aguardar o início da reforma, já que o recurso está garantido - diz Romão.

Às vésperas do início do Rondoniense, o clube realizou alguns reparos na estrutura do estádio. Foram instalados rampa de acesso, isolamento da casa de força e tapumes nas partes do muro. A 'minirreforma' custou aproximadamente R$ 8 mil dos próprios recursos do clube, o Ji-Paraná. O investimento era para tentar fazer a abertura do campeonato em casa, mas não deu certo. O Ji-Paraná só conseguiu jogar em casa no dia 7 de maio, jogo de ida da final do primeiro turno.

O estádio Biancão foi interditado pelo Ministério Público (MP) em dezembro de 2014 e passou por ajustes para que pudesse sediar jogos do Campeonato Rondoniense 2015, como uso de tapumes em parte do muro, instalação de rampas de acesso e isolamento da casa de força.

Fonte: Por Samira Lima/Ji-Paraná
http://globoesporte.globo.com/ro

Curta Nossa Página no Facebook - Clique na Imagem